Por que desejo escrever literatura?

A Gabriela Almeida é uma das estudantes bolsistas que participam da Iniciação Artística em poesia no Colégio Pedro II, e escreveu esse relato sobre a relação dela com a escrita. Sei bem que os alunos do Colégio não são a regra, mas muitos deles e muitos outros nos fazem repensar o discurso clichê a respeito da falência do ensino básico no Brasil. Então, se liga no estilo da garota!

the-remington-2-the-first-typewriter-everett

Por que desejo escrever literatura? Bom, é ótimo que tenha 20 linhas para dissertar sobre o assunto! Literatura, assim como a arte no geral, é minha grande paixão. Desde pequena, minha casa sempre foi rodeada de livros – afinal, papai e mamãe são professores de língua portuguesa. Eles liam para mim todas as noites (e não só contos de fada: havia Vinícius de Morais, Cecília Meireles e muitos outros) até eu, aos quatro anos, começar a ler sozinha.
A vontade de produzir meu próprio conteúdo surgiu cedo. Lembro-me de quando tinha seis anos e escrevi a história “A Identidade Secreta”, que coloquei em pedaços de papel e ilustrei com meu pai. Mais tarde, aos nove anos, fiz o roteiro do curta-metragem “Assalto à geladeira”, gravado com a filmadora do papai e estrelado por meu primo Thiago.
Quando as professoras do ensino fundamental anunciavam a data da prova de redação, eu entrava em êxtase (sim, eu sei, isso é meio Clarice Lispector em Felicidade Clandestina). Só não achava tão maravilhoso quando mandavam-nos escrever textos argumentativos, embora também os adorasse. Mas narrativas? Envolvia-me tanto que geralmente era a última a sair da sala. É uma pena que esse tipo de texto não seja muito trabalhado no ensino médio (um dos motivos pelos quais achei o projeto brilhante).
Eu tenho meu material literário, porém nunca cheguei a publicar nada. O máximo que fiz foi escrever para o Globinho (falecido caderno infantil do jornal O Globo), quando tinha nove anos. Como disse, literatura é minha paixão. Não escrevo visando publicar, escrevo porque amo, porque sinto prazer nisso. Critico o sistema social, falo sobre amor verdadeiro e felicidade. Amo o que faço e quero fazê-lo para sempre.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s