“Nós nos perguntamos se fazemos parte de algum projeto de país”

Hoje nO Globo o que há de urgente é o artigo da educadora Yvonne Bezerra de Melo, do Projeto Uerê, no Complexo da Maré, cujas proposições são, entre outras:

A obra de Marcos Chaves, AMARÉCOMPLEXO, projetada no show da Marisa Monte, que vende as camisetas com a frase, contribuindo para o trabalho social na Maré.

1. Cada sociedade estabelece seus limites do que considera violência.

2. Dos 430 alunos, cerca de 70% tiveram algum parente assassinado ou desaparecido.

3. Em áreas de conflito permanente, os bloqueios de cognição atingem proporções alarmantes. Não é à toa que nossas crianças em escolas públicas, em escolas para pobres por esse país afora, têm um desempenho muito aquém do que se poderia esperar num país com um desenvolvimento médio como o Brasil. Os dados educacionais não me deixam mentir.

4. Eu e meus professores nos vemos no desespero de acalmar crianças com convulsões, em pânico, urinando nas calças, perdendo a fala por causa dos tiros que beiravam nossas paredes.

5. Nós nos perguntamos se fazemos parte de algum projeto de país.

6. Ou se o projeto de país e de cidades como temos hoje permite que a violência grasse sem vislumbrar um fim, de modo que teremos brasileiros sem instrução de qualidade, incapazes cognitivamente e em constante dependência.

7. Se o projeto do país é esse, estimular a violência e o ‘‘não’’ à paz, tenho de reconhecer que conseguiram.

8. Tive vontade de chorar quando pensei nos 56.000 assassinatos no ano passado que os governos criminosamente ignoram.

9. Hoje, a Maré está ocupada por 1.800 homens do Exército, além de um batalhão de mais de mil homens da PM. E não há paz. Não é uma questão de números, mas de políticas públicas adequadas de combate à criminalidade, às drogas e armas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s