Fossil poetry

Também na oficina desta quarta-feira os alunos foram provocados a sublinhar nos livros trechos que pudessem ser perturbados pelo ato de grifar. Foi Waly Salomão que no seu último livro de poemas reproduziu a página com um de seus sublinhados num livro de Ralph Waldo Emerson que dizia que language is fossil poetry. São dele, Waly, os grifos que se expõem na Biblioteca-Parque Estadual, no centro da cidade do Rio, desde a última semana. E são para ele sem o saberem os grifos que estes alunos inscreveram em alguns livros circulantes.

Marcelly Firmino

Marcelly Firmino

Paulo Santana

Paulo Santana

Priscila Faria

Priscila Faria

Samara Kister

Samara Kister

Thalia Melo

Thalia Melo

Vinicius Araújo

Vinicius Araújo

Vitor Hugo

Vitor Hugo

Beatriz Hermes

Beatriz Hermes

Beatriz Lima

Beatriz Lima

Beatriz Lima

Beatriz Lima

Eduarda Assunção

Eduarda Assunção

Isabela Gama

Isabela Gama

Iuli Duarte

Iuli Duarte

Juliana Rodrigues e Ygor Macedo

Juliana Rodrigues e Ygor Macedo

Larissa Costa

Larissa Costa

Luanna Rodrigues

Luanna Rodrigues

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s